segunda-feira, 30 de agosto de 2010

A paz...

Como ter paz, sem fazer o que dá paz? Há quem, na hora de perdoar, não perdoa; ante o pedido de sinceras desculpas, não atende; no instante em que pode auxiliar, não o faz; na hora em que deve ser solidário, afasta-se, sem motivo justo; se pode doar esperanças, oferece o desânimo; se capaz de um bom conselho, prefere más palavras; tendo condições, não corresponde a um sorriso puro. Como, então, ter paz? Para ter paz, há que se fazer o que é da paz, o que redunda em paz, o que carrega a paz. A paz vive no coração que sabe amar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Venha fazer parte desse blog!Todos são bem vindos!