sábado, 4 de agosto de 2012

Realizações nobres

Regozija-te, sim, com as tuas realizações nobres, porém não te satisfaças com elas. Quem faz tudo o que pode, apenas cumpre o dever. Não trabalhes para descansar, senão para continuar incansavelmente servindo. O que antes fizeste não te habilita ao nada fazer agora. As tuas possibilidades, em todos os aspectos, são quase infinitas. Como podes pensar em retrair-te, quando o próprio Universo permanece em expansão. Por mais estradas tenhas percorrido, guarda a convicção de que somente deste o teu primeiro passo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Venha fazer parte desse blog!Todos são bem vindos!